Vivemos em uma sociedade que, infelizmente, ainda julga com maus olhos o sexo. Não é todo mundo que encara o assunto com a naturalidade que deveria ter, afinal, nascemos de uma transa, não é mesmo?

Mas vamos direto ao ponto: virgindade. Transar pela primeira vez é sempre um tabu, sendo você homem ou mulher. Estou novo demais? Velho demais? Está na hora? Devo “perder” logo para poder me livrar? Minha virgindade se tornou um problema?

A verdade é que nós devemos transar apenas quando estivermos prontos para isso. Sabe, não é como se grandes coisas fossem mudar na sua vida depois da sua primeira vez, mas é importante que sua decisão seja tomada de forma consciente. Não faça nada se estiver se sentindo pressionado, seja pelo parceiro, seja pela sociedade. Sexo é uma questão totalmente íntima e deve ser tratada única e exclusivamente por você.

Se existe tempo certo? Sim, existe: o seu. Nem sempre é planejado, quase nunca é da forma que você imaginou. Às vezes é uma delícia, às vezes é horrível. Tudo faz parte da experiência de descobrir a vida sexual e seu próprio corpo, bem como aquilo que te dá prazer.

O mais importante de tudo: PROTEJA-SE! Use camisinha toda vez que for transar, ok? Se por um acaso a pessoa com que você for fazer sexo se recusar a usar o preservativo, corre que é cilada!

Fique na boa, fique Rilex!