Muitas pessoas dizem que nunca fizeram, outras têm medo e há ainda aquelas que dizem que é perigoso ou que consideram errado. Por isso, experimentar ou não a prática anal é uma decisão difícil, além de ser tabu para muita gente. Ninguém pode dizer que não gosta se nunca experimentou. Dessa forma, o primeiro passo para eliminar esse grande tabu é a mulher estar relaxada e excitada.

1) Lubrificação: normalmente muitas pessoas usam substâncias inapropriadas para lubrificação como, por exemplo, óleo de cozinha, xilocaína (para adormecer a região), saliva, vaselina, sabonete, dentre outros. Porém, todas essas opções não são indicadas, pois, podem trazer sérios problemas e bactérias para a região. O indicado para essa prática são os géis a base de água, que possuem alto teor lubrificante e ajudam o pênis a deslizar na hora da penetração. O recomendado é colocar o lubrificante em cima do preservativo para se proteger e aproveitar com mais prazer.

2) Posições: As posições podem variar bastante, dependendo da fase em que a pessoa está nesta prática. Porém, a posição de quatro apoios não é muito indicada para quem está iniciando o sexo anal. Essa posição é para quem já está há muito tempo praticando sexo anal e já tem facilidade para essa penetração. Quem é iniciante da prática, deve começar por posições como de ladinho e conchinha, assim a pessoa terá um controle maior, caso ela sinta dor e precise retirar.

3) Utilize os dedos: um dos erros mais cometidos para quem quer experimentar a prática anal é começar a penetração com o pênis. “O ideal é iniciar com os dedos, primeiro a metade de um dedo, depois a metade de dois dedos até a mulher ir acostumando”.

4) Use preservativos: não usar preservativos no sexo anal torna as pessoas muito vulneráveis, pela facilidade da mucosa anal contrair vírus e bactérias com facilidade. Algumas pessoas tem medo de aplicar o lubrificante no preservativo, pois, acreditam que ele possa se romper. Mas, isso não acontece, o recomendado é que seja feito exatamente isso.

5) Duchas para higienização: as duchas não devem ser usadas, pois elas irritam a mucosa anal. Além disso, durante a penetração não há riscos de sair fezes, o que pode acontecer é que depois da prática haja alguma surpresinha, mas o casal precisa estar preparado e levar isso tranquilamente. Por isso, antes de iniciar o sexo anal, o indicado é que não seja feito nenhum tipo de alimentação muito pesada ou rica em gorduras.

6) Anestésicos: os anestésicos não são recomendados para a prática anal, já que eles podem fazer com que a pessoa perca o controle dos movimentos. Além disso, pode machucar e causar ardências que só serão sentidos mais tarde após o efeito do anestésico.

7) Pressão: o sexo anal nunca deve ser feito forçado. Só experimente a prática quando tiver certeza que você quer mesmo, afinal, nada pior do que fazer esse tipo de relação sem vontade. 

8) Homens e o desejo pelo sexo anal: a grande duvida das mulheres é saber o porquê os homens sentem tanto desejo na relação anal. A vontade de iniciar a prática surge primeiramente pela penetração já que a região exerce uma grande pressão sobre o pênis. Além disso, no sexo anal o homem tem controle da situação e dos movimentos, o que foge das relações convencionais e eleva o grau de desejo do público masculino.

9) Orgasmo: as mulheres só conseguem atingir o ápice de prazer na relação anal, se forem estimuladas no clitóris ao mesmo tempo em que ocorre a penetração. O estimulo pode ser feito pela mulher ou pelo parceiro. Caso contrário, a mulher terá zero prazer na penetração anal.

É o que eles mais querem e o que elas mais negam, isto é, até experimentarem direitinho!!! Então vai algumas dicas para você dar muito prazer a sua parceira, muitas mulheres não gosta de sexo anal, porque o cara não sabe fazer direito. Fato! Mas ninguém aqui quer julgar. Só que ninguém conta ou fala a respeito, por isso vamos dar umas dicas para te ajudar!

Passo 1: O parceiro tem que entender que para se chegar por trás é melhor quando é feito devagar, mas para se chegar lá a mulher tem que estar muito excitada e relaxada. Se o parceiro der um de lebre e ir com sede ao poço, ela não vai querer repetir!

Passo 2: Uma boa dica é usar um gel lubrificante, você pode encontrada em qualquer farmácia.

Passo 3: Dá para esquecer um pouco a tensão e relaxar? Esqueça a porta dos fundos e permita que a entrada pela porta da frente seja triunfal, com direito a tapete vermelho!!! Ou seja, se entregue, brinque muito, se masturbem e se excitem muito. O segredo para relaxar ainda mais a musculatura anal é a excitação.

Passo 4: Joguinho sexy. Uma forma de excitar a parceira, provando que mexer lá atrás pode ser legal sim. No sexo anal, coloque carinhosamente o dedinho, ou outro brinquedinho, tipo o plug anal, para alargar o local.  Melhor ainda se enquanto toca o local sagrado, proporciona o sexo oral nela.

Passo 5: Por último, no auge da excitaçao, introduza o pênis no tão esperado local, e de preferência, de cócoras. E o mais importante não esquecer o preservativo e manter o dialogo com sua parceira, se ela está confortável e sentindo prazer. Uma boa dica:  99% das mulheres que gozam no sexo anal NECESSITAM estimular o clitóris, seja elas próprias, com dedos ou um vibrador clitoriano, ou a masturbação proporcionada pelo parceiro.

Alerta: O alerta é para que nunca o que sai do ânus entre na vagina. Ao contrário até pode, mas pênis ou dedo que saem do ânus para a vagina podem servir de condutores de bactérias, causando infecção. Também é preciso sempre praticar o sexo anal com camisinha.

Referência: http://cerebromasculino.com/porta-dos-fundos/

O sexo anal já não é mais um tabu nos dias de hoje, por isso a Rilex preparou dicas para quem tem vontade de experimentar. Confiram!

1 – Em primeiro lugar, é necessário um diálogo sobre o assunto com seu parceiro(a). O sexo anal envolve mais do que dor e medo, por isso ter uma conversa franca com seu parceiro é importante para o sucesso da transa. Discutir sobre o tema também pode ajudar a fortalecer a relação sexual do casal.

2 – As preliminares devem estar nas nuvens. Para que haja uma penetração sem problemas, a mulher precisa estar totalmente relaxada e excitada, ou seja, as preliminares devem ser maravilhosas, inclusive, na região do ânus.

3 – O ânus é uma fonte de prazer, assim como o clitóris. Por isso, o ideal é que na hora da penetração seu parceiro faça carícias no seu amigo da frente, pois o clitóris sendo massageado ao mesmo tempo em que acontece a penetração você poderá sentir prazer em dobro.

4 – Múltiplos orgasmos. Antes de rolar a penetração por trás, lembre-se que é melhor você já ter tido um ou dois orgasmo antes, assim seu corpo estará totalmente relaxado.

5 – Se você é o tipo de mulher submissa na cama, esqueça isso na hora da penetração por trás. Neste momento quem comanda é a mulher. A mulher decide a hora da penetração e a intensidade dos movimentos. Caso contrário, a mulher pode até se machucar, já que os homens não têm noção da força usada na hora H.

6 – Aumente sua confiança. Permitir que você e seu parceiro(a) pratiquem o sexo anal pode até aumentar a confiança e intimidade entre vocês dois. Mas lembre-se, não faça nada que não queira. Ceder pensando que conseguirá algo em troca é um equívoco.

7 – Aflora a beleza. Assim como no sexo tradicional, fazer sexo anal pode te deixar mais bonito(a), com o cabelo sedoso e a pele macia.

8 – O prazer sexual desencadeia uma série de benefícios. Se a mulher sente prazer ao ser penetrada no ânus também vai ter ganhos no controle do colesterol, nos batimentos cardíacos e também terá um importante reforço no sistema imunológico, responsável pelas defesas do organismo.

Link de referência: http://www.listadecuriosidades.com.br/saude/motivos-para-praticar-sexo-anal/